Truques para uma Cozinha Saciante e Energética

Trucos para una cocina saciante y energetica iraides cooking lab

Truques para uma Cozinha Saciante 

Muitos de nós preocupam-se com a nossa dieta, e não sabemos como aproveitar ao máximo nossa maneira de comer, de modo que não envolva tanto esforço e sacrifício.

Muitas vezes até come muito pouco. Algumas dietas são drásticas e envolvem abandonar o plano inicial e engordar novamente. Mas o mais preocupante de tudo é que pode haver deficiências nutricionais. É melhor comer certos alimentos que nos fazem sentir satisfeitos sem sofrer de fome ou ansiedade, mas também não temos um déficit de vitaminas e minerais.

Truques para uma Cozinha Saciante 

VAMOS A ISSO!

Os Hidratos de Carbono Complexos Proporcionam-nos Energía de Forma Constante

Assim, podemos controlar a fome adicionando alimentos que contenham um alto teor de fibras solúveis. Estes não serão metabolizados tão rapidamente quanto os simples, vão digerir mais lentamente e estão-nos a dar energia constantemente.

Além disso, estes alimentos ajudam na formação de probióticos naturais (e, portanto, melhoram a flora intestinal), isto é, com o refinamento dos cereais, o germe e parte da fibra que envolve o cereal é eliminado.

É importante mastigar o cereal para que possamos torná-lo mais digestivo e que seu amido se hidrolise bem.

Dizer Sim aos Alimentos Suavemente Picantes

Um dos truques mais conhecidos para as pessoas que querem fazer dieta e não querem comer muito é adicionar alimentos picantes, pois esse sabor diminui a sensação de fome.

Poderíamos dizer que, de certa forma, eles enganam o cérebro pelo seu efeito saciante e, assim, comemos menos. E aumenta a combustão de calorias, porque nós queimamos mais, aumentando a temperatura do corpo. 

Claro, tem que ter algum controlo, porque em excesso eles podem alterar o sistema digestivo e irritá-lo. Uma boa alternativa é adicionar mostarda, gengibre, pimenta ou um caril leve.

Chia e Linho: Grande Poder Saciante e Contribução da Omega 3 

Estas super sementes contêm mucilagem, um tipo de fibra que incha no intestino e provoca uma sensação de plenitude. Têm um sabor agradável que não altera o sabor dos outros alimentos para que eles possam ser misturados com frutas e legumes, sendo assim supernutritivo e delicioso.

Contêm ômega 3 que ajuda a regular o colesterol e eliminar a gordura corporal.

Tenha em mente que tem que esmagá-las ou triturá-las para tirar o máximo proveito.

Aumentar o Consumo de  Proteínas Vegetais e Peixe

Há outro grupo de alimentos que também deve ter em mente, aqueles ricos em proteínas. Estes são a parte dos três principais substratos da digestão mais lenta, o que ajudará a melhorar a sensação de saciedade e a não sentir tanta fome.

Truques para uma Cozinha Saciante 

A energia das proteínas não é uma energia rápida, mas será usada mais para o treinamento estrutural, como os músculos. É demonstrado que o aumento do teor de proteína na dieta aumenta o conteúdo de hormonas saciantes, como a grelina e a leptina. 

Além disso, a neoglicogénese é controlada, o que significa que controla os níveis de açúcar no sangue e, ao fazê-lo, o nosso corpo não precisará produzir tanta insulina e, portanto, evitará ter fome.

É claro, tenha em mente que os alimentos recomendados são  aqueles ricos em proteínas, mas pobres em lípidos, como tofutempeh e peixe. Bem preparado em ceviche, deliciosas tortas…

Pelo Contrário, Evite Álcool, Café e Doces

Quando comemos alimentos muito doces, fazemos o nosso corpo produzir insulina para poder metabolizá-los. 

Que ocorre? Esse aumento importante da insulina faz com que nosso corpo “peça” mais comida (quase sempre doce) para usar essa insulina extra.

É por isso que, se comemos muitos doces, é muito provável que nos sintamos novamente com fome, mesmo que não sejam um desejo real de comer…

Têm também um problema adicional: se os comermos por hábito, o nosso corpo já estará preparado para receber essa dose de açúcar todos os dias, e mais ou menos naquele momento. Mesmo que não tenhamos fome, teremos “necessidade” de comê-los. É, por exemplo, o que acontece com o chocolate.

Café e álcool causam vasodilatação, um estado de stress no corpo, o que nos deixa mais ansiosos para comer. Além disso, o álcool adiciona calorias vazias ao nosso corpo, congestiona o fígado…

Receita

Pudim de Chía com Compota de Framboesa e Creme de Coco 

 

 

0